segunda-feira, 25 de abril de 2016

Zingado e Baque dos Bugres no Festival Brasileiro de Música de Rua | 2016




Imagem e Vídeo; Jéssica Drew

Baque dos Bugres participa de Oficina com Mestre do Maracatu Estrela Brilhante de Igarassu


O Baque dos Bugres participou, no dia 21 de abril, de uma oficina ministrada pelo Mestre Gilmar do MaracatuEstrela Brilhante de Igarassu do estado de Pernambuco. A Oficina ocorreu durante todo o dia nas instalações do Instituto Sociocultural Afro-Sul Odomôde, em Porto Alegre, e contou com a organização do Maracatu Truvão. Uma roda de conversa, que teve inicio as 10hs, serviu de abertura dos trabalhos e foi seguido por execuções dos baques, canto e loas de um dos mais tradicionais maracatus do País. 




No dia seguinte o Mestre do Baque dos Bugres, João Viegas, foi convidado a participar de mais uma atividade com o Mestre Gilmar na faculdade de música da UFRGS, onde o pernambucano falaria sobre o quase bicentenário Maracatu, as técnicas musicais de execução percussiva e afinação das alfaias.


O Maracatu Estrela Brilhante foi fundado no município Igarassu, em Pernambuco.

Biografia

É difícil afirmar a data de fundação do Maracatu Estrela Brilhante de Igarassu. Sabe-se que, desde 1730, em Itamaracá e Igarassu eram praticados danças e ritmos nagôs, transmitidos de geração para geração. Contudo, a antiga matriarca do folguedo, Maria Sérgia de Santana, conhecida como Dona Mariú, conta que o maracatu passou para seus pais em 1824, sendo, posteriormente, transmitido a ela e ao seu marido, Seu Neusa, Mestre da Nação. Dona Mariú esteve no maracatu desde os 12 anos de idade. Mesmo impossibilitada de andar, a matriarca participou do maracatu, acompanhada de sua boneca, Dona Emilia, até 2003, ano de seu falecimento. Dona Mariú morreu com quase 105 anos, mas deixou aos seus filhos seu legado e a paixão pelo folguedo, fortemente ligado às religiões afro-brasileiras e originado das coroações dos reis negros, conhecidos como Reis do Congo, realizadas nas festas em homenagem a Nossa Senhora do Rosário no século XVIII.

Atividades Atuais

Atualmente, a matriarca do grupo é Dona Olga, filha de Dona Mariú. O Maracatu Estrela Brilhante de Igarassu se diferencia dos demais marcatus de baque virado no que diz respeito às toadas e coreografias. Dentre as homenagens que recebeu e os muitos eventos de que já participou, o Maracatu Estrela Brilhante de Igarassu representou o Brasil, em 2008, no XII Festival Folclore Internacional Alto Minho, em Viana do Castelo, Portugal. A partir desse ano também passa a ser Ponto de Cultura, chamado Estrela Para Todos. O grupo recebeu o título de Patrimônio Vivo de Pernambuco em 2009. 


Escute suas músicas clicando aqui

Virada Cultural level 360º| Fotos

































sexta-feira, 15 de abril de 2016

Virada Cultural | Level 360º


Amanhã tem Baque dos Bugres na Virada Cultural da Level Cult! Serão 24h de atrações, reunindo artistas locais de todas as áreas da arte: Música, literatura, teatro, artes plásticas, dança e performances divididas em oficinas, workshops, mostras, exposições, espetáculos e shows que acontecerão entre às 8h da manhã do dia 16/04 às 8h do domingo, 17/04. O Baque dos Bugres se apresenta às 15h do sábado. 

Clique na imagem para acessar evento no facebook